Home »
01 MAR 2018
Benefícios e riscos da exploração espacial
Por Jornal Abarca

No passado dia 6 de fevereiro foi lançado para o espaço o mais potente foguetão actualmente em uso – designado Falcon Heavy - facto que muito contribuirá para os progressos das tecnologias espaciais com vista a produzir máquinas capazes de levar para o espaço equipamentos mais volumosos e pesados. Para além disso, experimentaram-se agora meios para reutilizar algumas partes da estrutura de lançamento, em particular os foguetes, cada um constituído por vários motores (neste caso, 9) ou seja, equipando-os com capacidades para regressarem ao solo em condições de voltarem a ser utilizados em missões futuras.

Quanto à subida do foguetão completo, dir-se-ia não constituir novidade e que só uma falha cada vez menos provável poderia impedir o sucesso. No entanto, haveríamos de experimentar o espanto ao ver dois dos três conjuntos de motores a descerem suavemente e a pousarem no solo, exatamente nos locais previamente calculados.

Criam-se, assim, naturais expectativas de que os lançamentos se tornem progressivamente mais perfeitos e com menores custos, tornando mais fácil a colocação de satélites em órbita, através dos quais melhor se controlem as florestas e os oceanos, se obtenham imagens de extensas culturas, se tornem mais precisas as previsões meteorológicas, as comunicações e os métodos de navegação no ar, no mar e em terra. Para além desta perspetiva de utilizar a tecnologia espacial para melhor conhecer a Terra e nela viver com maior conforto, há que não desvalorizar o permanente desafio que se coloca à humanidade de conhecer sempre mais, indo para o espaço exterior em busca de novos planetas e novos ambientes onde, eventualmente, ocorrerão fenómenos diferentes dos que conhecemos, para os quais haverá que produzir explicações que, muito provavelmente, agora estamos longe de imaginar. Simultaneamente, não pararão as tentativas de superar capacidades humanas para viver cada vez mais tempo no espaço ou – dentro de algumas décadas – em ambientes de outros planetas, muito diferentes deste em que (até agora) todos nascemos.

No entanto, uma reflexão sobre o capricho de fazer com que o Falcon Heavy levasse consigo um carro de conceituada marca e custo elevado, poderá conduzir a dúvidas sobre possibilidades de se virem a cometer disparates de consequências imprevisíveis.

No caso presente, trata-se de uma empresa privada, americana – embora com certificação por parte da Força Aérea daquele país – cujo “patrão” revela, pelo menos, algumas tendências para iniciativas invulgares, a que muitas pessoas acham graça, simplesmente. Refira-se que, passado um mês, há telescópios em terra que apontam para o carro vermelho que viaja agora, solitariamente, pelas profundezas do espaço, já a muitos milhões de quilómetros da Terra.

Mas … se um dia, alguém ainda mais exótico – e extremamente rico – pensar em lançar no espaço outros objetos, não poderá isso constituir perigo para a Terra e para as condições de vida dos seus habitantes?

Talvez faça sentido recordar o filme americano Aloha, apresentado em Portugal em 2015 e exibido recentemente num canal de televisão, cujo conteúdo principal consiste no nacionalismo exacerbado de um rico cidadão daquele país que desenvolve um sistema de lançamento de foguetões e que, por um complexo processo de seguranças entre cientistas, engenheiros e técnicos, levou a que – sem saberem – estivessem prestes a colocar em funcionamento um sistema de satélites equipados com armas nucleares em órbita terrestre e prontos a serem disparados sobre países que o “louco” promotor considerasse inimigos do seu.

(0) Comentários
Escrever um Comentário
Nome (*)

Email (*) (não será divulgado)

Website

Comentário

Verificação
Autorizo que este comentário seja publicado



Comentários

PUB
crónicas remando
PUB
CONSULTAS ONLINE
Interessa-se pela política local?
 81%     Sim
 19%     Não
( 200 respostas )
© 2011 Jornal Abarca , todos os direitos reservados | Mapa do site | Quem Somos | Estatuto Editorial | Editora | Ficha Técnica | Desenvolvimento e Design