Home »
03 OCT 2017
Vindimas: A arte de fazer o néctar dos Deuses
Por Jornal Abarca
O mercado do vinho renasceu em Portugal deixando de ser visto como uma bebida de taberna para ser um produto de qualidade, muitas vezes associado ao mercado gourmet. No Casal da Coelheira, no Tramagal, fazer vinho é uma arte que dura um ano inteiro, na busca do melhor néctar.
 
Para os romanos era Baco, para os gregos Dionísio. O vinho é desde sempre um produto tão apreciado que tinha Deuses associados nestas duas civilizações, ao nível de uma arte ou um elemento natural. Reza a lenda que as primeiras vinhas da história terão sido cultivadas na península ibérica, não sendo por isso de estranhar o apreço que o vulgarmente denominado sumo de uva tem em Portugal desde sempre.
 
Poderá ler o resto da reportagem na edição em papel do Jornal Abarca, disponível nos postos de venda habituais.
(0) Comentários
Escrever um Comentário
Nome (*)

Email (*) (não será divulgado)

Website

Comentário

Verificação
Autorizo que este comentário seja publicado



Comentários

PUB
crónicas remando
PUB
CONSULTAS ONLINE
Interessa-se pela política local?
 81%     Sim
 19%     Não
( 200 respostas )
© 2011 Jornal Abarca , todos os direitos reservados | Mapa do site | Quem Somos | Estatuto Editorial | Editora | Ficha Técnica | Desenvolvimento e Design