Home »
29 NOV 2019
A Família da Bata Amarela
Por Jornal Abarca

Fazer voluntariado com o único propósito de ajudar os outros é uma das actividades mais nobres que alguém pode assumir. Em tempos em que o egoísmo e o individualismo parecem tomar conta da sociedade, casos como o da Liga dos Amigos do Hospital de Torres Novas renovam-nos a fé num mundo melhor.

Quem já esteve horas intermináveis nas urgências de um hospital sabe o desespero que é nada acontecer na angústia de sabermos de que mal padecemos, ou de que sofrem os mais próximos por quem ali estamos. E, nessas horas de desespero, sabemos que o reconforto é quando alguém nos oferece algo em troca de nada. Sobretudo quando esse alguém é uma cara estranha, que se torna o rosto mais amigável do mundo. (...)

Mas ambos concordam que não se trata apenas de ajudar os outros. A bondade também pode ter o seu grau de egoísmo, nem que seja um egoísmo bom: “Ajudamos os outros mas também a nós”, esclarece Marta, sob a aprovação de António. (...)

Apesar da missão nobre que enfrenta, a Liga depara-se com problemas sobretudo ao nível dos recursos humanos, parcos e envelhecidos. “Neste momento temos cerca de 50 voluntários no activo mas a maioria são reformados que têm mais dificuldade em vir”, explica. Por isso, um dos objectivos da Liga é mesmo “angariar mais voluntários”. (...)

Poderá ler o resto da reportagem na edição em papel do Jornal Abarca, disponível nos postos de venda habituais.

(0) Comentários
Escrever um Comentário
Nome (*)

Email (*) (não será divulgado)

Website

Comentário

Verificação
Autorizo que este comentário seja publicado



Comentários

PUB
crónicas remando
PUB
CONSULTAS ONLINE
Interessa-se pela política local?
 81%     Sim
 19%     Não
( 214 respostas )
© 2011 Jornal Abarca , todos os direitos reservados | Mapa do site | Quem Somos | Estatuto Editorial | Editora | Ficha Técnica | Desenvolvimento e Design